No centro do Isolamento
Sexta-feira, 15 de Abril de 2005
Vácuo
O meu interior suspira confuso
E nem corpo nem alma vive em mim
Sinto o que não sinto
Não há som que se apalpe
Nem voz nem murmúrio
Neste vácuo que me preenche e implode.

Meu coração não bate nem ecoa vibração
Nem razão que se descure
Nem força que me empurre
Deste limbo - estagnação!
Permanece e padece
Solto em silêncios
Abandonado
Só em ventre escuro, acinzentado
Morto?
Congelado ou moribundo?

Faço e quero simples este mundo
Que me humedeça este seco corpo
Mas o coração carece
Magro
Solto em silêncios
Abandonado!
Neste limbo, nem um grito solta fibrilado


publicado por V. Pimenta às 10:18
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De Anónimo a 22 de Abril de 2005 às 07:44
ola =) dsclp la aki a publicidade...espero k n t importes..kero so dizer k abri um blog sobre o massacre ds animais k é http://diznao.blogs.sapo.pt e kero k as pexoas vejam cmo os animais sofrem ns maos d nos humanos ATENXAO S ES SENSIVEL E S T SENTIRES MAL CM AS IMAGENS K VOU POR E TEXTOS FEXA O SITE bjks***
karina
(http://givemawhisper.blogs.sapo.pt)
(mailto:diznao@hotmail.com)


De Anónimo a 20 de Abril de 2005 às 19:10
Por mais fibrilado que um coração se encontre, existe sempre algo ou alguem que o choque o suficiente até este regressar ao seu normal. A permanência é um conceito de pouca aplicação, uma vez que tudo muda de dia para dia, hora para hora, em cada minuto que passa dos segundos de vida que usufruimos. Não é por ficar dotado ao abandono e vetado a uma meia existência que se está a fazer um favor ao mundo ou ao próprio...BlueWing
(http://translucencias.blogs.sapo.pt)
(mailto:bluewing@sapo.pt)


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Foz

momentâneos

Turvo

Turbilhão de nada

iguarias

A QUÍMICA E A FÍSICA DOS ...

Efémera

Excertos

Sentenças...

...

arquivos

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Novembro 2004

Outubro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds