No centro do Isolamento
Sexta-feira, 14 de Abril de 2006
momentâneos
joel santos.jpg

Falam-me nos epílogos e entrelinhas
Dos viveres e estados de alma
Da sedução dos sentimentos momentâneos
Que se findam precoces
Com o fim dos prazeres sucedâneos

Não se seguram em mim
Outros sentimentos que me renovem
Que mantenham alto e sustentado
Longe de um coração amordaçado
Preso entre a cela de ossos.

Salta antes e bate confuso
Entre sangue velho e renovado
Jorrando velhos e novos pecados
Entre mentiras meias e abuso
Na incerteza, abafado




Foto de Joel Santos


publicado por V. Pimenta às 18:27
link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Anónimo a 21 de Abril de 2006 às 19:55
realise o sonhozaratrusta
(http://treceiromundo.paginas.sapo.pt/sonhos.htm)
(mailto:holo@likos.uk)


De Ana a 8 de Maio de 2006 às 16:50
Gostei bastante da tua maneira de escrever. A tua escrita é muito sentida e intensa.
Bjs


De FRANCESCO a 8 de Junho de 2016 às 15:57
Muito bonito!


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Foz

momentâneos

Turvo

Turbilhão de nada

iguarias

A QUÍMICA E A FÍSICA DOS ...

Efémera

Excertos

Sentenças...

...

arquivos

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Novembro 2004

Outubro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds