No centro do Isolamento
Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2005
#83-05
Sucedem-se dias e anos alheios a mim
Permanecem os mesmos sorrisos
Em pessoas que se sucedem
Permanece a sede um isolamento contente
De quem se ri em companhia de uma classe
Ela própria demente
Ao suceder das horas do dia.

Sobra um mundo entregue a mim
Guardião de respostas efémeras
Daquelas que se emprestam e se esquecem
Esmola que alguém me dá
Que me vai alimentando
A pouca coisa que em mim acontece.


publicado por V. Pimenta às 22:33
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Foz

momentâneos

Turvo

Turbilhão de nada

iguarias

A QUÍMICA E A FÍSICA DOS ...

Efémera

Excertos

Sentenças...

...

arquivos

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Novembro 2004

Outubro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds